24 novembro 2013

Oração deve ser feita somente de joelhos?



Paz da parte de Deus Pai e do Senhor Jesus Cristo.

Aos irmãos que participam da comunhão nas reuniões das quais sou participante, nesse tempo de preparação e edificação, buscando um só entendimento diante da Palavra de Deus, venho, conforme as circunstâncias pedem, trazer um esclarecimento diante de uma questão que foi levantada:
QUE ORAÇÃO DEVE SER FEITA SOMENTE DE JOELHOS.

Essas dúvidas são normais dentro da situação que estamos vivenciando porque aprendemos muitas coisas nessa caminhada da vida e, importante, que sejam apresentadas as questões para que não fiquem dúvidas e que haja um só entendimento diante unicamente da Palavra de Deus, sem opiniões pessoais ou tendências.

Assim, vamos buscando, EM PAZ, a compreensão e entendimento e, todo o tipo de questão, deve ser apresentada e, EM PAZ, tratada, para evitarmos que o fermento da resistência ou da dúvida cresça e a massa fique levedada com conversas paralelas, maculando a comunhão e tornando nossa convivência tão hipócrita quanto a dos lugares de onde saímos.

Abaixo, transcrevo uma resposta que enviei sobre a questão: ORAÇÃO DEVE SER FEITA SOMENTE DE JOELHOS?

 
Muitos usam Mateus 6:5 para sustentarem que a oração deve ser feita somente de joelhos. Diante da Palavra de Deus, o fato de orar em pé não significa que a pessoa seja um fariseu ou hipócrita.

Quando Jesus fez referência em Mateus 6:5,
"E, quando orares, não sejas como os hipócritas; pois se comprazem em orar em pé nas sinagogas, e às esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam o seu galardão.", está colocando em destaque QUAL A INTENÇÃO DE QUEM ESTÁ ORANDO, ou seja, no caso os fariseus, oram em pé PARA SEREM VISTOS.

 
As expressões mostram o real sentido de orarem em pé: "se comprazem" e "para serem vistos pelos homens" ou seja, os hipócritas, levados por intenções contrárias à verdade, fazem isso como uma exaltação pessoal, exibicionismo e não com sinceridade e simplicidade de coração. Uma pessoa pode, com hipocrisia, ajoelhar para orar para ser visto ou se exaltar diante dos outros, também.


Essa referência Jesus está citando os hipócritas e não outros que sejam sinceros. No capítulo 6 de Mateus, observe antes Ele falando daqueles que dão esmolas e COMO DÃO AS ESMOLAS. (versículo 1-4)

Tomar o texto de Mateus 6:5, generalizando, é erro, pois, tem pessoas que oram ajoelhadas e são lobos, hipócritas e falsos irmãos, e dizem que oração somente de joelhos.

Lucas 18:9-14:

"E disse também esta parábola a uns que confiavam em si mesmos, crendo que eram justos, e desprezavam os outros: 
Dois homens subiram ao templo, para orar; um, fariseu, e o outro, publicano.
O fariseu, estando em pé, orava consigo desta maneira: Ó Deus, graças te dou porque não sou como os demais homens, roubadores, injustos e adúlteros; nem ainda como este publicano.
Jejuo duas vezes na semana, e dou os dízimos de tudo quanto possuo.
O publicano, porém, estando em pé, de longe, nem ainda queria levantar os olhos ao céu, mas batia no peito, dizendo: Ó Deus, tem misericórdia de mim, pecador!
Digo-vos que este desceu justificado para sua casa, e não aquele; porque qualquer que a si mesmo se exalta será humilhado, e qualquer que a si mesmo se humilha será exaltado."


Temos um fariseu e um publicano orando em pé no templo.

Jesus censurou a oração e um pelo outro que estavam na mesma situação, mas um se exaltava e o outro se humilhava diante de Deus.

Um dizia que fazia isso ou aquilo, se exaltando e o outro se humilhava. Jesus justificou o publicano que orava em pé (versículo 14) por causa da sinceridade do seu coração.

O Senhor está dizendo para não ser como os hipócritas quando orar em pé e, não para, não orar em pé.


Por isso, onde o motivo está errado, não importa o modo como está sendo feito.
Na Palavra de Deus não temos que as orações são feitas SOMENTE DE JOELHOS.

Senão, se oração somente de joelhos, se for orar em espírito nas ruas, devo parar de andar e ajoelhar para poder orar. Se estiver dentro de uma condução, devo ajoelhar se for orar em espírito.

A essência é a oração e sua intenção e sinceridade e propósito. A forma como é feita é variada.

DE QUE RESOLVE DOBRAR OS JOELHOS SE NÃO DOBRAR O CORAÇÃO?

Jesus orou na cruz. Cristãos torturados não tinham como ajoelhar para orar. Essas são exceções, sim, mas para mostrar que não existe regra fechada que oração é SOMENTE DE JOELHOS.

Somente em momentos específicos dobro os meus joelhos, não em toda vez que oro. Oro o dia todo, converso com Deus o dia todo.

Nas reuniões podemos orar em pé, sentados, deitados, de joelhos.

IMPORTA QUE SEJA ORAÇÃO SINCERA DO MAIS PROFUNDO DO CORAÇÃO QUE AMA AO SENHOR DEUS.

Paz ao seu coração, em Cristo.

Sergio Luiz Brandão

16 novembro 2013

Um novo tempo, uma nova dispensação, uma nova casa


Paz da parte de Deus Pai e do Senhor Jesus Cristo.

Venho dirigir aos irmãos uma breve mensagem que pretende esclarecer certos pontos que talvez ainda estejam carecedores de mais exposição.

Deus sabe o quanto nos tempos passados lutei contra as revelações que recebia, tendo em vista a dimensão e consequências dessas diante da Palavra de Deus.

Lutei com Deus muitas vezes, muitas mesmo, ao ponto de pensar que era o inimigo tentando enganar e fazer desviar da Palavra e da vontade de Deus. Não, era totalmente o contrário, era Deus querendo, ou melhor, tentando colocar o Sergio no caminho, diante do que Ele revelava.

No início da caminhada, fui abençoado com muitos cânticos e a adoração não tinha limites.

Como eu queria FAZER A OBRA, insistia em envolver-me com os ministérios já existentes, mas, em todos, sempre recebia um aviso da parte de Deus: "Seu lugar não é aqui". Ficava triste com isso.


Essa minha insistência criou um desvio, porque negava o que Deus falava e buscava envolver-me com os ministérios existentes.

Comprei muitos livros e CDs de pregações dos ministérios, dos mais conhecidos, tradicionais e gospel.

Criava pastas com letras cifradas da Harpa Cristã e das músicas gospel (centenas de letras) mais conhecidas para tocar e adorar onde estivesse. Mas eu sentia que algo estava errado.

Quando progressivamente o Senhor foi apertando comigo por causa do que Ele revelava e como eu reagia.

O Senhor me submeteu às escolhas, colocando-me claramente diante das alternativas e a decisão seria somente minha e conforme minha escolha, cada qual teria seu desenrolar.

Fui cedendo, cedi, por causa do amor de Deus e das verdades que Ele revelava. Ele foi vencendo contra o mal/mau que eu não queria abrir mão.

O meu desejo sincero em fazer a obra nada valia porque eu queria ir para o caminho errado. A OBRA ERA NOVA.

Sim, uma NOVA OBRA, UMA NOVA CASA, UM NOVO POVO, que na verdade não é nova, porque ela já existiu um dia, no início, pela doutrina dos apóstolos, a doutrina de Cristo.

Desfiz de todos os livros que havia comprado, desfiz de todos os CDs de música que havia comprado, desfiz das pastas com letras cifradas, desfiz de tudo...

A NOVA CASA não poderia ter tijolos dos outros, não poderia pegar pão dos outros, não teria "espírito dos outros". TUDO seria levantado pelo que o Senhor daria NOVO.

A OBRA É NOVA, não tem cópia, não se pega nada emprestado e nem faz ajustes.

E o Senhor tem abençoado com inspiração, concedendo cânticos, letras e arranjos, tudo é um início, preparação e aperfeiçoamento.

O Senhor tem abençoado com novo pão, Ele é o Pão, sem fermento, sem corrupção, por isso a doutrina confronta com tudo o que está aí, e não é invenção ou uma nova onda evangélica, é a Palavra de Deus sendo interpretada e despertando em muitos corações.

Já recebi alguns e-mails de pessoas que questionam assim: Irmão, e as músicas? Posso continuar cantando o que já conheço? Tradicional ou goslpel?

A resposta já está embutida nos estudos que foram publicados no site Blues to THE LORD. Nisso há a compreensão de verdades espirituais.

Toda congregação ou povo que prega, ensina e vive pela Lei de Moisés, o espírito que domina é o "espírito da lei", "espírito de escravidão".

Todos os acontecimentos nessas congregações, seja em ensinos, mensagens, profecias, músicas etc serão manifestadas e regidas por esse espírito dominador, que está no líder e é transmitido para o ministério e suas diversas frentes. Esse mesmo espírito que rege o mercado evangélico, o mesmo espírito que faz do nome do Senhor um grande negócio empresarial e político. Esse espírito domina sobre músicos e cantores. Cantores e músicos são contratados e "consagrados" em ministérios para serem "arrebanhadores" para o líder.

A fonte, "o espírito" de todo o engano e blasfêmia, conforme tudo o que se vê hoje é o mesmo que faz letras e arranjos "bonitinhos" para o mercado que se diz de Deus.
Se Deus disse que enquanto eu ficasse com algo do velho e condenado Ele não levantaria a NOVA CASA, ao ponto de colocar-me na parede por resistir, da mesma forma como hoje, alguns resistem quando falo sobre essas coisas, minha decisão foi plena, sem dúvida alguma, e mais, Deus providenciou diversas formas para mostrar e provar a dimensão da ação desse espírito de todo o engano, conforme até meditamos vez passada pelo texto da Palavra de Deus em 2 Coríntios, capítulo 11.

Se, diz o Senhor, que a OBRA É NOVA, (que não é nova) mas a CASA é, diante do que há atualmente. Se, ainda, estiver querendo ajustar ou APROVEITAR ALGUMA COISA

do que já está fechado ou condenado, não terei a novidade e a OBRA NOVA não será manifestada. Pior, estarei em rebelião e desobediência. Vou eu cantar o que um escravo canta inspirado pelo espírito da escravidão da Lei de Moisés? Vou eu adorar pela letra inspirada por um escravo espiritual? Vou eu copiar a pregação ou mensagem de um povo escravo. E não cabe aqui dizer: "reter o que é bom"... não, aqui não cabe isso, senão, nem precisava sair de onde saí, ficasse eu lá.

Se assim fosse, os apóstolos, também, poderiam ou deveriam, aproveitar, COPIAR coisas dos fariseus, judeus, saduceus e outros que tinham alguma religiosidade em palavras ou músicas.

O Senhor iniciou a igreja em Atos dos Apóstolos por um único fundamento, um único Espírito e um único entendimento (isso começou em Abraão mas não vou discorrer isso agora).

Existe isso nos dias atuais? Um único fundamento, um único Espírito e um único entendimento? Certo que não. A mesma Palavra de Deus possuindo diversas interpretações.

Se, a OBRA É NOVA, Deus disse que não pegasse nada dos outros, NADA. Deus disse que daria tudo, TUDO NOVO, conforme foi nos dias antigos e que foi perdido.

Então, meus amados irmãos, se há dúvidas, eu mesmo um dia lutei com Deus porque a dimensão dessa ação daria uma sensação que EU estivesse criando uma exaltação pessoal, exclusividade ou coisa de orgulhoso, como os do mundo dizem. Não estou para ser idolatrado, da mesma forma que ninguém que recebe uma vocação, chamado, unção, dons da parte do Senhor, deve ser colocado em tal situação.

A OBRA NOVA não está levantando ídolos. Se Deus diz para não pegar nada do lado de fora porque Ele vai dar tudo novo, onde a idolatria ou erro de crer e fazer o que Deus diz para fazer?

Obedeço. Serei eu ídolo obedecendo? Moisés foi ídolo? Josué foi ídolo? Davi foi ídolo? Paulo foi ídolo? Eles somente obedeceram. Quem entendeu mal, não entendeu, ou não creu, só isso.


Deus quer dar muito para cada um que estiver disposto à NOVA OBRA, à NOVA CASA, sem doutrinas da lei de Moisés, sem doutrinas de demônios, sem espíritos enganadores e blasfêmias usando o nome do Senhor em "negócios cristãos", o maldito mercado empresarial-político-cristão.

Enquanto houver algo do velho, não pode receber do novo. Isso eu mesmo provei diante do Senhor que apertou-me sobre o que narrei acima.

Deus, certa ocasião, disse que eu estava agindo como o rei Saul quando eu ficava mantendo vivo o que Ele disse para destruir (1 Samuel, capítulo 15), porque eu "achava" que alguns ainda tinham uma certa possibilidade de aproveitar algo em Palavra de Deus e músicas. Eu estava querendo reservar alguns, enquanto Deus disse que nada poderia ficar, NADA!  Obedeci, pedi perdão pelo meu erro e amei a Palavra que recebi, para vivê-la e fazer a vontade de Deus.

Quem sou eu para absolver o que Deus condenou? Quem sou eu para ter misericórdia do que Deus não tem mais misericórdia ou tolerância?

Acabou!! Sim, o que temos para nós, é um tempo de edificação da NOVA CASA. O tempo está nas mãos do Senhor. É tempo de preparação.

Aqueles que o Senhor tirar do meio dessa multidão, será tirado, mas não para trazer a carga espiritual, mas, terá de tomar um banho, despojando do fardo do engano.

Por isso, todos aqueles que desejarem participar das reuniões presenciais e online, já sejam esclarecidos que TUDO SE FEZ NOVO!


Paz ao seu coração, em Cristo.

Sergio Luiz Brandão

11 novembro 2013

Deus está sempre alertando seu povo.


Ultimamente são tantas vozes na terra, cada uma falando uma coisa, cada uma crendo em uma doutrina, cada uma com seu entendimento pessoal e não o entendimento de Cristo. Qual o motivo disso? Por causa do alimento contaminado que recebem nesses lugares que chamam de igrejas evangélicas, onde por causa de doutrinas de homens e de demônios, e da cobiça, um espírito de engano corrompeu o lugar e todos que ali frequentam. E quem come comida contaminada não cresce espiritualmente, não nasce de novo e com isso, não dá frutos para Deus.

Isso é muito sério!

O Senhor somente reconhece por seu aquele que tem seu Espírito Santo.

Vemos uma multidão caminhando pela porta e caminho largo, andando conforme o mundo, falando conforme o mundo, se vestindo conforme o mundo, se comportando conforme o mundo, e a Palavra de Deus diz que não devemos amar o mundo pois quem ama o mundo o amor do Pai não está nele.

Mateus 7:13-15 
"Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela;
E porque
ESTREITA É A PORTA, e APERTADO O CAMINHO que leva à vida, e poucos há que a encontrem.
Acautelai-vos, porém, dos
falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores."


O Senhor está tirando suas ovelhas do caminho do engano, da perdição, onde sua Palavra foi corrompida, distorcida, adaptada para benefício próprio por causa da cobiça e do amor a este mundo, onde o nome de Deus e do Senhor Jesus Cristo são blasfemados, onde as bênçãos são compradas, onde o espírito de engano colocou outro mediador entre Deus e os homens: O DINHEIRO. Se não der o maldito dinheiro perde a salvação da alma, e isso é uma blasfêmia contra Deus e contra Jesus Cristo que nos comprou por seu precioso sangue.

Muitos saem das igrejas corruptas e caem em outro engano, em outras doutrinas de homens, de pessoas que saíram do sistema evangélico corrupto mas, que interpretam errado a Palavra de Deus para sua própria perdição e de seus ouvintes.

Devemos entender que em todo ministério corrompido há um espírito que NÃO É o Espírito de Deus, mas sim, o espírito de engano, espírito de Satanás. Quem não entende isso cairá fatalmente no engano. Doutrinas de homens e de demônios possuem espíritos que escravizam as pessoas para que permaneçam no engano.

Todo ministério tem um "espírito", se esse ministério está debaixo de doutrinas de demônios, doutrinas da lei, como dízimo, guarda do sábado, uso do véu pelas mulheres, que são as mais usadas no meio que se diz evangélico, esse ministério não tem o Espírito de Deus, por causa do fermento de doutrinas anátemas, e também pelo pecado da cobiça, por isso o espírito de engano que domina o lugar está também sobre os seus membros.


Nesses lugares há um falso
evangelho, há um mover de um falso espírito santo, uma adoração a um falso cristo, uma falsa comoção que não produz verdadeiro arrependimento, enfim, tudo parece ser de Deus, mas apenas parece... pois o maligno que se transforma em anjo de luz faz a sua má obra, por isso não há novo nascimento espiritual e com isso, também não há entendimento espiritual da Palavra de Deus.

Os cantores que se dizem evangélicos, também estão debaixo do "espírito" desses ministérios corruptos, e ainda usam o nome de Deus Pai e do Senhor Jesus Cristo, para ganharem dinheiro e isso diante da Palavra de Deus é pecado grave pois a Palavra diz que de graça recebemos e de graça devemos dar, e filho de Deus verdadeiro que ouvem esses louvores, contaminam-se espiritualmente.


Não adianta sair do sistema evangélico corrupto e continuar crendo na trindade católica.
Não adianta sair do sistema
evangélico corrupto e continuar batizando as pessoas em nome da trindade católica.
Não adianta sair do sistema
evangélico corrupto e continuar deixando as crianças de fora do Corpo de Cristo, não batizando-as em nome de Jesus Cristo e nem permitindo que participem da Santa Ceia do Senhor.
Não adianta sair do sistema
evangélico corrupto e crer que o Batismo nas Águas foi extinto.
Não adianta sair do sistema
evangélico corrupto e crer que a Santa Ceia também foi extinta.
Não adianta sair do sistema
evangélico corrupto e continuar ouvindo músicas gospeis que vem desse mesmo sistema corrompido.
Não adianta sair do sistema evangélico corrupto e gastar seu tempo estudando as coisas de Satanás, pois não vemos os apóstolos fazendo isso, eles faziam a vontade de Deus e cumpriam o propósito para o qual foram chamados, que é o de semear a preciosa semente e cuidar das ovelhas do Senhor com zelo.
Não adianta sair do sistema
evangélico corrupto e não pedir a Deus para ser limpo dos espíritos estranhos que recebeu quando fazia parte dos ministérios corruptos, pois quem não se limpa continua no engano e ensinando engano.

O que tenho visto e ouvido por essa internet afora, de aberrações contra a Palavra de Deus não tem fim, e muitos se tem deixado levar por esses enganos.

Filho de Deus deve entender pelo Espírito Santo que nele habita, que não deve mais comer comida estranha e nem ouvir louvores estranhos que dizem vir da parte de Deus mas que na verdade, vem de fonte estranha, vem do espírito desse mundo, do espírito de Satanás
por causa da corrupção.


2 Coríntios 11:4
"Porque, se alguém for pregar-vos OUTRO JESUS que nós não temos pregado, ou se recebeis "OUTRO ESPÍRITO" que não recebestes, ou OUTRO EVANGELHO que não abraçastes, com razão o sofreríeis."

2 Coríntios 11:14-15
"E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz.
Não é muito, pois, que os seus ministros se transfigurem em ministros da justiça; o fim dos quais será conforme as suas obras."


Há uma multidão caminhando para a perdição, há uma multidão espalhando a semente de Satanás, há uma multidão brincando de ser crente, há uma multidão pregando doutrinas anátemas (malditas), e se você ama a Deus verdadeiramente, dê valor ao chamado que recebeu e não se contamine mais com o falso evangelho de uma falsa graça, e de estudos de homens que saíram do sistema evangélico corrupto e não se limparam dos espíritos que receberam lá, pois isso jamais resultará em novo nascimento espiritual, porque vem de uma fonte estranha, do espírito desse mundo que é Satanás.

2 Timóteo 3:13-17
"Mas os homens maus e enganadores irão de mal para pior, enganando e sendo enganados.
Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido,
E que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé que há em Cristo Jesus.
Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça;
Para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra."


Fique somente com a Palavra de Deus e seu Espírito Santo.

Filho de Deus verdadeiro ouve a trombeta tocando, ouve o alerta de Deus.

Paz ao seu coração.

Bia

08 outubro 2013

Salmo 123 - Oração do crente desprezado.


"A Ti levanto os meus olhos, ó tu que habitas nos céus.
Assim como os olhos dos servos atentam para as mãos de sua senhora, assim os nossos olhos atentam para o Senhor nosso Deus, até que tenha piedade de nós.
Tem piedade de nós, ó Senhor, tem piedade de nós, pois estamos assaz fartos de desprezo.
A nossa alma está extremamente farta da zombaria daqueles que estão à sua vontade e do desprezo dos soberbos."

Existe um tempo em que Deus permite que sejamos esquecidos, muitas vezes desprezados e incompreendidos, é um tempo de Deus para lapidar o nosso coração.
Na verdade, o Senhor quer estar à sós conosco, nos ouvir e nos ensinar a confiar nele e em seu amor.

Certa vez, orando ao Senhor por alguém muito querido, e em grande desespero, em meio às lágrimas, o Senhor me trouxe à mente uma frase de sua maravilhosa Palavra: "...aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus..." Salmo 46:10

O consolo do Senhor sempre vem, mesmo que na solidão da noite, no silêncio do quarto, no desespero da dor... era o Senhor me dizendo: "Aquiete seu coração e confie em mim."

Devemos confiar no Senhor, mesmo que:

"...a figueira não floresça, nem haja fruto na vide; ainda que decepcione o produto da oliveira, e os campos não produzam mantimento; ainda que as ovelhas da malhada sejam arrebatadas, e nos currais não haja gado."   Habacuque 3:17

O Senhor nos ama, tanto que nos comprou por seu sangue precioso.
Pense no significado de ser filho de Deus, de ser amado por Deus, de ser cuidado por Deus.

Paz ao seu coração.

Bia

07 outubro 2013

Guardar o Sábado da Lei de Moisés.


Simples, objetiva e sem sombras de variação, assim é a Palavra de Deus.

As muitas vozes na terra trazem confusão ou sabe-se lá quantas interpretações possíveis. 
A Palavra não admite particular interpretação e, somente assim, o Caminho de Deus será Perfeito. 

Desde a criação, da primeira letra escrita pelos homens inspirados por Deus, tudo tem seu propósito, Deus não é Deus que escreve por escrever, Deus não acha interessante e faz simplesmente constar. Não! Tudo o que está escrito tem propósito. 

Não é certo usar as expressões: na minha opinião; eu acho; eu entendo; do meu ponto de vista; o meu ministério diz; a doutrina da minha igreja; eu defendo a doutrina tal e o outro a outra tal… enfim, ninguém é dono de uma verdade pessoal, porque a Palavra de Deus não permite "novos inspiradores", A Palavra já tem seu Mestre e Senhor. 

Se nas coisas que estão em evidência há severas divergências contra a Palavra, que diremos então das que necessitam discernimento espiritual? 

Palavra, por si mesma, FALA. 

Quando uma chave abre novidades, muito do que já é sabido necessita ser reconsiderado. 

Iniciando o Estudo Bíblico - Guardar o Sábado - A Lei Cerimonial é superior à Lei Moral. 

Destaque 1: Alerta! Jesus Cristo engrandeceu e foi exaltado pela Lei da liberdade do AMOR INCONDICIONAL. 

Jesus Cristo foi julgado e condenado à cruz pela Lei da obrigação do AMOR CONDICIONAL.

Há doutrinas que ensinam e pregam que há outra condição para ser salvo, exemplo: ser dizimista, guardar o dia de sábado, e outras... 

Toda doutrina que tem essa base de entendimento, para alcançar a salvação deve ser dizimista fiel, deve guardar o dia de sábado... e outras CONDIÇÕES, conforme a Bíblia, são doutrinas malignas, pois está excluindo o Amor incondicional de Jesus Cristo. 

Segundo o Apóstolo Paulo, é o outro evangelho, não é o Evangelho da Graça de Jesus Cristo. 
E a expressão que Paulo deixa é clara: seja anátema - maldito. 

Essas doutrinas que escurecem e fazem sombra contra a plenitude da graça de Jesus Cristo, pode atentar, são sustentadas através de fatos e testemunhos, ou até por algum acontecimento que deu origem ao ministério, baseado na "TROCA".
Exemplo: Nossa casa/família vivia em necessidades e dificuldades... ninguém entendia a razão... mas bastou dar dinheiro - seja qual doutrina for - a prosperidade iniciou.  

Ou seja, somente quando deu algum dinheiro ou sacrificou algo é que Deus respondeu com uma bênção.

Deus abençoa, mas precisa pagar. O extremo é conduzir esse maligno ensino no que diz respeito à salvação da alma.

Deus Pai poderia ter dado o dízimo de tudo o que Ele possui para Satanás para pagar nosso resgate, sem precisar entregar seu próprio Filho para pagar o preço, pois ensinam que se o crente não entregar o dízimo, não tem salvação. 

Os testemunhos apresentados, quando tentam disfarçar a CONDICIONANTE, procuram de alguma forma embutir dissimuladamente a base da doutrina. 

As Sombras das Coisas Futuras.
Tendo em vista as questões doutrinárias que existem e chegam ao conhecimento, na liberdade de um filho de Deus pela graça em Jesus Cristo, e também por direito, farei uma breve exposição, apenas introduzindo o assunto e, para aqueles que já conhecem um pouco da Bíblia, será uma Chave suficiente. 

Sabemos que a Palavra de Deus não é confusa, Deus jamais faria isso, existem sim, interpretações tendenciosas, nascidas de momentos específicos e que foram transformados em doutrina e, em seguida, tornaram-se "BASES" de sustentação de ministérios e denominações evangélicas e, é claro, o nome de Jesus inserido. 

Já citei em outras páginas que, diante de tanta confusão de vozes doutrinárias para ensinar a mesma Bíblia, comecei a perguntar para Deus quem estava com a verdade. 

Se você quer seguir ao Deus verdadeiro e vê tantos caminhos no mesmo caminho, alguma coisa está errada. Está errada porque há divisão, disfarçada divisão com aparente “Paz do Senhor irmão”. 

Não é simplesmente nós entendemos assim e pronto. NÃO.
A salvação da minha alma está em jogo. O nome de Jesus Cristo está misturado com tanta coisa nesses últimos dias que Ele, sutilmente, deixou de ser o fundamento, para ser apenas um slogan.
O poder foi transferido, volto a dizer, sutilmente, para a doutrina dos ministérios. Jesus, ao invés de ser hoje o fundamento, passou a ser um nome dentro do contexto geral... o poder mesmo está na doutrina que defendem.
É só prestar atenção para ver. 


Assim, conforme a sabedoria do Espírito Santo de Deus que pode, com apenas um parágrafo de algumas linhas, ou uma frase, ou uma só Palavra, queimar incontáveis livros, vou fazer agora, conforme recebi do Senhor. 

Há uma doutrina que ensina sobre a Lei Cerimonial e a Lei Moral, enfatizando a Lei Moral como superior para sustentar o ensino sobre o sábado. 

divisão, Lei Cerimonial e Lei Moral, conforme a Bíblia, não existe. Mas, já que é o sustentáculo dessa doutrina, será nela confirmada ou não pela Palavra de Deus. 

Em oração, buscando de Deus a Palavra veio simplesmente isso e, creio, para quem conhece a Palavra, o suficiente: 

Destaque 2:
Conforme a interpretação das Sombras das Coisas Futuras, se é que deve separar as denominadas Lei Cerimonial de Lei Moral atendendo à doutrina, a Lei Cerimonial é superior à Lei Moral. 


Porque? A então denominada Lei Cerimonial, segundo as Sombras das Coisas Futuras, figuras de coisas espirituais, representa, HOJE, a obra da Redenção para todos aqueles que estiveram e estão debaixo da morte espiritual por causa do pecado originado da transgressão da Lei Moral. 

Se não houvesse a Lei Cerimonial, Sombras das Coisas Futuras, figuras de coisas espirituais que, HOJE, É A OBRA DO EVANGELHO DA SALVAÇÃO EM JESUS CRISTO, perdão dos pecados, justificação, purificação, santificação... os transgressores da denominada Lei Moral não teriam perdão e nem salvação. 

Assim, sem precisar alongar, deste fundamento da Palavra, qualquer outro argumento com propósito de provar o contrário para inclusive e principalmente sustentar doutrinas, como o sábado, por exemplo, está fora do fundamento principal. 

Agora, observe a sutileza do espírito do engano. Leia e interprete esse parágrafo seguinte: 
Se eu acreditar que a denominada Lei Moral é maior que a Lei Cerimonial, sem entendimento e discernimento das coisas espirituais, estou confessando debaixo de um domínio espiritual que, a Lei Moral ensinada - enfatizando o sábado - tem mais autoridade e poder que a Graça e Misericórdia em Jesus Cristo, figurada na Lei Cerimonial. 

Repetindo: isso se é que se deve denominar Lei Cerimonial e Lei Moral. 

fundamento é Jesus Cristo, que denominaram de Lei Cerimonial, mas não deram essa real interpretação do significado espiritual para nós HOJE, do que Deus havia dado ao seu povo no passado. 

Removeram o fundamento Jesus Cristo e transferiram para a Lei Moral, para justificar o sábado. 

Nenhuma Palavra que está na Bíblia caiu em desuso, a interpretação precisa ser real. 

Então, se existe uma Lei Moral, não como assim denominam para sustentar a doutrina apresentada, HOJE, É O AMOR DE DEUS DERRAMADO EM NOSSOS CORAÇÕES, pelo Espírito Santo da Graça, que nos foi dado através de Jesus Cristo, o Amado. 

Para os leigos, moral é o termo que eles podem entender, mas, para nós, os de dentro É O AMOR DE DEUS DERRAMADO EM NOSSOS CORAÇÕES, infinitamente acima de qual quer expressão ou aparência moral. 

Os que estão em Cristo, não vivem o amor, pelo espírito da lei, da frieza da letra, que serviu de aio para nos conduzir a Cristo, significando coisas espirituais que dependem de real revelação e interpretação. 

Se não houver amor e fé, qualquer obra de aparente justiça são regras, sacrifícios e doutrinas vãs, assim diz, não eu, mas a Palavra de Deus. Amém! 

Jesus Cristo engrandeceu e foi exaltado pela Lei da liberdade do AMOR INCONDICIONAL, contra, a Lei da obrigação do AMOR CONDICIONAL, que o condenou à cruz. 

Por isso, a frase: Caindo da Graça... isso não tem graça.

Pergunta: Pode o cristão perder a salvação?
Deus, através do Apóstolo Paulo, em 1 Coríntios 15:1 e 2 responde:
"Também vos notifico, irmãos, o evangelho que já vos tenho anunciado; o qual também recebestes, e no qual também permaneceis;
Pelo qual também sois salvos, SE o retiverdes tal como vo-lo tenho anunciado; se não é que crestes em vão." 


Há um trecho no Ensino Básico da Doutrina Evangélica, "Dízimos, Ofertas e Carnês – estão mais poderosos que Jesus Cristo", oportuno inseri-lo aqui: 

Atente para esse importante detalhe: 
Os argumentos baseados no entendimento de que os dízimos existiam antes da Lei, explicitamente só ratificam que os dízimos entraram para a Lei, ou seja, na própria tentativa de negar que é Lei, confirma que está na Lei do Velho Testamento. 

Tantas outras coisas que não eram da Lei e entraram para a Lei, por exemplo, Caim e Abel apresentaram suas ofertas ao Senhor (Gênesis 4:1...) e, não há referência de como deveriam ser feitas mas, a de Abel foi aceita porque foi feita por meio da fé do qual Deus deu testemunho dos seus dons (Hebreus 11:4) e, só depois, isso foi regrado para o povo de Israel, significando "Sombras de Coisas Futuras", interpretação de coisas espirituais. Essas ofertas continuam sendo apresentadas diante do Senhor, mas outra é a forma delas serem realizadas: orações, jejuns, intercessões, louvor, adoração, ações de graça... e não animais, alimentos, guardar dia para ser reconhecido (considerado justo) como fiel servo de Deus etc. 

Sábado do Senhor é a mesma base de entendimento. 

Colossenses 2:16,17
"Portanto, ninguém vos julgue pelo comer, ou pelo beber, ou por causa dos dias de festa, ou da lua nova, ou dos sábados,
Que são sombras das coisas futuras, mas o corpo é de Cristo." 


Hebreus 10:1, diz: 
"Porque, tendo a lei a sombra dos bens futuros e não a imagem exata das coisas, nunca, pelos mesmos sacrifícios que continuamente se oferecem cada ano, pode aperfeiçoar os que a eles se chegam." 

Não irei estender essa parte, mas fica para meditação e considerações. São trechos simples e curtos mas são chaves para abrir portas...

Algumas passagens bíblicas: 
Ezequiel 13:14, diz:
"E derribarei a parede que rebocastes de cal não adubada e darei com ela por terra, e o seu fundamento se descobrirá; assim cairá, e perecereis no meio dela e sabereis que eu sou o SENHOR." 


Coríntios 3:10-15
"Segundo a graça de Deus que me foi dada, pus eu, como sábio arquiteto, o fundamento, e outro edifica sobre ele; mas veja cada um como edifica sobre ele.
Porque ninguém pode pôr outro fundamento, além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo.
E, se alguém sobre este fundamento formar um edifício de ouro, prata, pedras preciosas, madeira, feno, palha,
A obra de cada um se manifestará; na verdade, o Dia a declarará, porque pelo fogo será descoberta; e o fogo provará qual seja a obra de cada um.
Se a obra que alguém edificou nessa parte permanecer, esse receberá galardão.
Se a obra de alguém se queimar, sofrerá detrimento; mas o tal será salvo, todavia como pelo fogo."
 


Efésios 2:20, diz: 
"Edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, de que Jesus Cristo é a principal pedra da esquina;" 

Timóteo 6:19, diz: 
"Que entesourem para si mesmos um bom fundamento para o futuro, para que possam alcançar a vida eterna." 

Timóteo 2:19, diz: 
"Todavia, o fundamento de Deus fica firme, tendo este selo: O Senhor conhece os que são seus, e qualquer que profere o nome de Cristo aparte-se da iniquidade." 

Hebreus 11:1, diz: 
"Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que se não vêem." 

Pedro 2:1, diz: 
"E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição." 

1 João 4:1, diz: 
"Amados, não creiais em todo espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo." 

Encerro aqui essa introdução. Progressivamente farei atualizações. 

Desejo que esta Chave sirva para você e traga muitas respostas que precisa saber. 

espírito da lei não tem e não aceita a Revelação. Mas, há alguns no meio, que estão apenas dormindo... desperta !!! 

Guardar o Sábado é uma falsa doutrina evangélica. 

Sergio Luiz Brandão

06 outubro 2013

Casamento No Senhor


Gênesis 2:24
"Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne."

É tão comum vermos casais no meio do povo de Deus que não sabem ainda o que são em Cristo.
Por falta de conhecimento e entendimento da Palavra, muitos lares estão sendo destruídos pelo maligno.

Para começar o amor de Deus não é amor conforme o mundo, é amor conforme Deus, e como é o amor de Deus?

1 Coríntios 13:4-7
"O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.  
Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;  
Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;  
Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta."

Esse é o amor de Deus, tão simples e tão profundo...

1 João 3:16
"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna."

O amor de Deus  é o Senhor Jesus Cristo, não é amor conforme o mundo e suas vaidades.
Quem tem Jesus Cristo, ama conforme Deus pois tem o Espírito de Deus habitando em si e já não ama conforme o mundo.

Muitos olham apenas para a aparência, para as vaidades do mundo, o esposo se diz cristão mas quer sua esposa conforme o mundo, conforme as mulheres do mundo, a esposa se diz cristã mas quer seu esposo conforme o mundo, conforme os homens do mundo, mas um casal de Deus não pode ser assim, porque devem aprender que quem ama o mundo o amor do Pai não está nele. E quem é o amor do Pai senão Jesus Cristo seu Filho?
A Palavra diz que quem ama o mundo não tem Jesus Cristo, e você tem?
Como você olha para sua esposa, como um homem de Deus ou como um homem do mundo? 
E você como olha para seu esposo, como uma mulher de Deus ou como uma mulher do mundo?

Um homem de Deus deve olhar para sua mulher como Jesus Cristo olha para sua Igreja, e além de sua esposa ela é sua irmã em Cristo.
Uma mulher de Deus deve olhar para seu esposo como a Igreja olha para o Senhor Jesus Cristo, e além de seu esposo ele é seu irmão em Cristo.

Como Jesus Cristo olha para sua Igreja, sua noiva, como o mundo olha?

A mulher é figura da Igreja e o homem é figura de Jesus Cristo.

Efésios 5:22
"Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao Senhor;
Porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja, sendo ele 
próprio o salvador do corpo. 
De sorte que, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo sujeitas a seus maridos."

Somente com entendimento espiritual, uma mulher de Deus sabe o que significa amar assim, com respeito, carinho, e sujeição.

Efésios 5:25-33
"Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela,  
Para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra,
Para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível.  
Assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo.
Porque nunca ninguém odiou a sua própria carne; antes a alimenta e sustenta, como também o Senhor à igreja;
Porque somos membros do seu corpo, da sua carne, e dos seus ossos.
Por isso deixará o homem seu pai e sua mãe, e se unirá a sua mulher; e serão dois numa carne.
Grande é este mistério; digo-o, porém, a respeito de Cristo e da igreja.
Assim também vós, cada um em particular, ame a sua própria mulher como a si mesmo, e a mulher reverencie o marido." 

Quantos filhos de Deus tem se amado assim? 
Quantas mulheres tem amado e respeitado seu esposo como a Igreja deve respeitar seu esposo Jesus Cristo?

Quantos homens tem amado suas esposas como Cristo amou a Igreja e a si mesmo se entregou por ela?

Efésios 5:32
"Grande é este mistério; digo-o, porém, a respeito de Cristo e da igreja." 

Não adianta dizer que ama a Deus e desprezar o seu esposo, não adianta dizer que ama a Deus e desprezar a sua esposa.

Filho de Deus verdadeiro tem o Espírito Santo habitando nele, e o Espírito Santo não é grosseiro, não é ciumento, não é rude, não é sensual, não é mundano, não é vaidoso, não é arrogante, não é orgulhoso, não é soberbo, e tantas outras coisas...
  
Porque o Espírito Santo é o próprio Deus habitando no filho, e se você tem esses tipos de procedimentos em sua conduta, você precisa nascer de novo, nascer do Espírito, buscar mais a Deus e se alimentar do verdadeiro e puro Evangelho, porque aquele que está na carne não pode agradar a Deus.

Quem tem o Espírito de Deus, dá frutos para Deus, e quais são esses frutos?

Gálatas 5:22
"Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança."     



Romanos 8:1-8
"Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito. 
Porque a lei do Espírito de vida, em Cristo Jesus, me livrou da lei do pecado e da morte. 
Porquanto o que era impossível à lei, visto como estava enferma pela carne, Deus, enviando o seu Filho em semelhança da carne do pecado, pelo pecado condenou o pecado na carne; 
Para que a justiça da lei se cumprisse em nós, que não andamos segundo a carne, mas segundo o Espírito. 
Porque os que são segundo a carne inclinam-se para as coisas da carne; mas os que são segundo o Espírito para as coisas do Espírito. 
Porque a inclinação da carne é morte; mas a 
inclinação do Espírito é vida e paz. 
Porquanto a inclinação da carne é inimizade contra Deus, pois não é sujeita à lei de Deus, nem, em verdade, o pode ser.

Portanto, os que estão na carne não podem agradar a Deus."

Nascer de novo, nascer do Espírito, buscar o que é do céu, amar a esposa, amar ao esposo, e ensinar aos filhos o caminho em que devem andar, dando bom exemplo de conduta, não andando mais conforme o mundo, mas sim, conforme Deus.

Paz ao seu coração.

Bia
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ATENÇÃO!

Estou disponibilizando, alguns estudos em PDF para baixar em seu computador.
1-Para fazer download, basta clicar na foto relativa ao estudo.
2-O PDF será aberto.
3-Clique na flechinha para fazer o download.
Demora um minutinho, espere que ele abrirá uma janela, basta clicar em Ok.

Que Deus abençoe sua leitura.
Qualquer problema em abrir o documento, ou com o download, basta me escrever: através do formulário na coluna à direita.

Todos os Estudos são baseados nas Sombras das Coisas Futuras

Isaque o Unigênito de Abraão, no Contexto Igreja Livre e Igreja Escrava

Quando Deus Ouve e Atende a Voz de seu Povo para o mau.

A Bíblia diz que Adão não foi enganado quando pecou, Adão sabia o que estava fazendo.

Arrebatamento da Igreja de Jesus Cristo.

É Possível consultar os mortos como o rei Saul consultou o Profeta Samuel?

Os filhos de Deus Crentes, podem Frequentar Praia ou Festa do Carnaval?

Guardar o Sábado da Lei de Moisés

Divórcio e Novo Casamento, segundo a Bíblia Sagrada

Tatuagem e Piercing são lícitos aos filhos de Deus?

Image and video hosting by TinyPic

Doutrina da Santíssima Trindade Católica Apostólica Romana

Pedófilos e Pedofilia - Abusando de Crianças.

Image and video hosting by TinyPic

O Senhor Jesus Lavando os Pés dos Discípulos-Significado.

O Sábado Natural e o Sábado Espiritual

Igreja de Jesus Cristo nos Lares

A falsa doutrina do uso do véu pelas mulheres.

Quando Deus disse: Haja Luz-não foi criado o Sol, alguém nasceu.

O primeiro homicídio no Céu e o primeiro homicídio na Terra.

Carne e Sangue não Herdam o Reino dos Céus.

Primeira e Segunda mortes.

A mulher pode assumir a liderança na Igreja de Jesus Cristo?

As mulheres estejam caladas nas igrejas.

Jesus Cristo veio cumprir ou anular a Lei do Velho Testamento?

Batismo nas Águas e Santa Ceia do Senhor

A Separação dos Reinos.

Futebol e Idolatria Evangélica.

O Verdadeiro e os Falsos Fundamentos.

A Parábola das Dez Virgens